As Forças Armadas Ucranianas negaram envolvimento no bombardeio de Donetsk em 21 de janeiro – Notícias Ucranianas


22 de janeiro de 2024, 01h13

Em Donetsk ocupada pela Rússia no domingo, 21 de janeiro, pessoas foram mortas em consequência de bombardeios. As Forças de Defesa Ucranianas negaram as acusações de bombardeio dos russos, diz o comunicado. mensagem O Centro de Imprensa Unida das Forças de Defesa de Tauride no Facebook.

“Os russos estão divulgando informações sobre o ataque ao mercado de Donetsk. Declaramos responsavelmente que as forças sob a jurisdição da OSUV de Tavria, neste caso, não realizaram trabalhos de combate com meios de destruição”, diz o comunicado.

VOCÊ ESTÁ INTERESSADO

O Tavria OSUV observou que a Rússia terá de responder pelas vidas dos ucranianos ceifados.

Edição de domingo de manhã do “Donbass News” relatadoque no microdistrito de Tekstilshchik, em Donetsk, um mercado foi atacado e, segundo testemunhas oculares, há “um grande número de mortos e feridos”.

Posteriormente, o líder do “DPR” Denis Pushilin escreveuque como resultado da greve, 27 pessoas foram mortas, outras 25 pessoas ficaram feridas de vários graus de gravidade, incluindo dois adolescentes.

Depois disso, a Rússia anunciou a convocação do Conselho de Segurança da ONU em conexão com o bombardeio.

Notou um erro?

Selecione-o com o mouse e pressione Ctrl+Enter ou Enviar um bug



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *