Doença de Austin – o chefe do Pentágono foi hospitalizado novamente devido a problemas de saúde


12 de fevereiro de 2024, 03h30

Lloyd Austin está de volta ao hospital

© EPA-EFE/JIM LO SCALZO

O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, foi hospitalizado novamente. Desta vez para um check-up devido a problemas de bexiga. A última vez que ele foi à clínica foi no início de janeiro.

Ele relatou o problema de saúde ao seu vice e ao chefe do Estado-Maior Conjunto, bem como à Casa Branca e ao Congresso, diz o site do Pentágono.

VOCÊ ESTÁ INTERESSADO

“Apesar da hospitalização, Austin continua a desempenhar as suas funções e chegou ao hospital com capacidade para manter as linhas de comunicação confidenciais e não confidenciais necessárias ao seu trabalho”, observou o relatório.

Porém, mais tarde, devido à hospitalização, Austin transferiu seus poderes para a deputada Kathleen Hicks – ela assumiu as funções de chefe do Pentágono.

Previa-se que ele viesse pessoalmente a Bruxelas para participar na 19.ª reunião do formato Ramstein, que terá lugar no dia 14 de fevereiro.

Lembre-se de que o secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, foi diagnosticado com câncer de próstata. No entanto, a Casa Branca só soube disso no início de janeiro de 2024, quando apareceu na mídia informação sobre a hospitalização do chefe do Pentágono. Austin recebeu alta no dia 15 de janeiro e ainda foi tratado em casa por algum tempo.

VOCÊ ESTÁ INTERESSADO

Ainda faltam nove meses para as eleições presidenciais dos EUA, mas isso não impediu as especulações sobre quem poderia liderar o Pentágono, especialmente em meio a relatos de problemas de saúde do atual chefe. Mas a Casa Branca disse que o presidente Joe Biden não tem planos de demitir Austin.

Notou um erro?

Selecione-o com o mouse e pressione Ctrl+Enter ou Enviar um bug



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *