O desenvolvedor de Kirby, HAL Laboratory, estava com problemas com as normas trabalhistas por não pagar as horas extras do trabalhador remoto

HAL Laboratory, o estúdio por trás da tão amada série de videogames Kirby, teve problemas com o Japanese Labor Standards Bureau no ano passado durante a pandemia. A empresa foi responsabilizada pelo Labor Standard Bureau porque um funcionário da HAL disse que não foi pago por nenhuma das horas extras que havia feito enquanto trabalhava em casa durante a pandemia do COVID-19. O HAL Laboratory respondeu dizendo que os funcionários que trabalham remotamente em casa foram informados de que não deveriam trabalhar horas extras, pois não receberiam o extra. A empresa disse que a culpa era do funcionário por ter feito qualquer trabalho adicional fora do horário normal de trabalho e que não pagaria por isso. No entanto, isso não foi mencionado no contrato do funcionário com a empresa e a pessoa não foi informada pela empresa quando foi contratada. Parece que o HAL Laboratory já pagou ao funcionário o que ele devia.

Fonte



Deixe uma resposta