Zelensky destacou as relações com o Japão como uma das melhores


07 de janeiro de 2024, 20h14

Um importante sinal de apoio – Zelensky na visita do Ministro das Relações Exteriores do Japão

© https://www.presidente.gov.ua/

O presidente Vladimir Zelensky parabenizou a ministra das Relações Exteriores do Japão, Yoko Kamikawa, por sua primeira visita internacional à Ucrânia. Ele classificou as relações com o Japão como um dos melhores resultados internacionais.

Acrescentou que esta visita é um importante sinal de apoio.

“É muito agradável que você esteja fazendo a sua primeira visita internacional este ano a Kiev. Obrigado por este poderoso sinal de apoio à sociedade ucraniana”, disse Zelensky durante a reunião.

“Nosso parceiro muito importante e muito forte. Estou grato pelo nível alcançado de relações entre nossos estados – uma parceria real, uma parceria estratégica. E grato pelo apoio que o Japão forneceu ao nosso estado. Isto inclui assistência de segurança e liderança forte no G7 e em geral na política internacional, e no apoio económico – nós apreciamos isso – e no fortalecimento humanitário da Ucrânia”, observou o presidente, informa o seu serviço de imprensa.

VOCÊ ESTÁ INTERESSADO

Por sua vez, Kamikawa sublinhou que a sua visita é importante no contexto dos preparativos para a conferência sobre a restauração da Ucrânia, que terá lugar em Fevereiro em Tóquio. Ela observou que os países continuarão a cooperar para fortalecer as relações bilaterais e restaurar a Ucrânia.

Zelensky agradeceu ao Japão pelo seu apoio activo à fórmula de paz ucraniana e pela sua disponibilidade para participar na próxima reunião de conselheiros de segurança nacional, que terá lugar em Davos. Kavikawa anunciou a disponibilidade do Japão para assumir a co-liderança na implementação do primeiro parágrafo da Fórmula “Radiação e Segurança Nuclear”.

Conforme relatado, o Japão contribuirá com 37 milhões de dólares para um fundo fiduciário da OTAN para fornecer à Ucrânia sistemas de detecção de drones.

Notou um erro?

Selecione-o com o mouse e pressione Ctrl+Enter ou Enviar um bug



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *